?

Log in

No account? Create an account

Previous Entry Share Next Entry
second babyhood
rosas
innersmile
lttrfrmkrswtbrgmn

Gosto muito desta carta que o realizador japonês Akira Kurosawa escreveu a Ingmar Bergman por ocasião do septuagésimo aniversário do realizador sueco, e tinha-a aqui guardada à espera de uma ocasião adequada. Toda a carta é uma delícia, mas destaco a seguinte frase:

(...) I fully realize that a human is not really capable of creating really good works untill it reaches eighty.

E lembrei-me de aqui pôr a carta hoje, por ser um daqueles dias em que me dou conta de que, ao contrário do que o espelho mental reflecte, paulatinamente, passo a passo, ano a ano, regresso ao tempo de ser bebé outra vez. Sempre com a esperança de que a second babyhood me permita chegar perto de produzir pure works.


  • 1
Esta carta é a coisa mais optimista que li nos últimos tempos.
O Manuel de Oliveira deve estar de acordo e eu, bem, eu sinto-me subitamente rejuvenescido.

muito optimista e de uma candura que só deve vir com a sageza dos oitenta :)

Sou mesmo cretino. Foi preciso ler o post da Margarida para perceber COMPLETAMENTE a razão porque puseste isto aqui hoje.
Beijo de parabéns.

és nada. e vou já a correr ver o post da Margarida :)

Edited at 2014-02-10 08:21 am (UTC)

Mark

(Anonymous)
Os meus parabéns, Miguel! :) Votos de um dia feliz.

um abraço.

muito obrigado Mark, grande abraço

parabéns mais uma vez, mister button. :D
bjs.

boa referência :)
obrigado

Caro amigo, os meus parabéns atrasados. No próximo ano serei pontual.

muito obrigado (Lídia?)

Sim, os parabéns são meus. Ando sempre distraída...Um abraço. Lídia

Mais um beijo atrasado, mas o atraso não significa nada: sempre lembro de você, Miguel.
Felicidades!
Ana Lúcia

dizem que parabéns atrasados dão sorte :)
obrigado, Ana Lúcia

  • 1