miguel (innersmile) wrote,
miguel
innersmile

botto

O blog Band of Thieves costuma realizar um inquérito anual para apurar os melhores livros LGBT editados, ou pelo menos os melhores que o grupo de autores inquiridos leu. Este ano, para compensar a falta de visibilidade da literatura queer, quer em termos gerais quer nas escolhas dos livros do ano feitas pelos mais reputados jornais e revistas literárias, convidou ainda mais autores para fazerem as suas escolhas, e a lista que resultou é um excelente guia de leitura para quem gosta do género, e uma insubstituível fonte de informação (link para a lista completa).

Entre as escolhas estão alguns dos meus autores preferidos: o Edmund White, o Alan Hollinghurst e o Colm Tóibin, por exemplo, com as suas obras mais recentes, que eu ainda não li mas faço tenção de ler (o do Tóibín já cá tenho em casa há uns tempos, em lista de espera). E há pelo menos um que já li, o Just Kids, da Patti Smith, que já é um livro de 2010.

Mas a maior surpresa da lista, e para mim a maior alegria, foi um dos autores inquiridos, David McConnell, de quem confesso nunca ter ouvido falar, ter escolhido uma edição norte-americana de As Canções de António Botto. Edição que, ainda por cima, e de acordo com a página do livro da livraria Amazon, tem a tradução dos poemas feita por Fernando Pessoa (cujo aniversário da morte se assinala hoje, precisamente).
Tags: botto, livros
Subscribe
  • Post a new comment

    Error

    default userpic
    When you submit the form an invisible reCAPTCHA check will be performed.
    You must follow the Privacy Policy and Google Terms of use.
  • 2 comments