miguel (innersmile) wrote,
miguel
innersmile

a linha da beleza

A RTP2 começou ontem a transmitir a mini-série da BBC, The Line of Beauty, adaptado do romance premiado de Allan Hollinghurst, de que já falei aqui no innersmile. A primeira nota é para a rapidez com  que a RTP passa a série, uma vez que ontem mesmo a BBC2 transmitiu o terceiro e último episódio.
Gostei muito do episódio de ontem. Claro que o livro de Hollinghurst tem a complexidade e a densidade próprias da literatura, e que tornam o livro muito apaixonante, uma aventura em que o gozo da língua e da escrita é, logo à partida, metade do prazer do livro. E isto não obstante o livro ser muito cinematográfico, pedir o tratamento da imagem, parecendo particularmente indicado para este formato da série televisiva. Só assim se explica a rapidez com que esta transposição aparece.
A adaptação tem argumento de Andrew Davies, veteraníssimo argumentista, sobretudo de televisão, mas também de cinema, e realça, mais do que no livro, acho eu, aquela elegância ao mesmo tempo simpática e exclusivista das classes poderosas inglesas. Os ingleses, como sabemos, sobretudo a BBC, são eméritos em criar ambientes de época (a série decorre durante os anos 80), e em fazê-lo de um modo subtil, refinado e extremamente eficaz. Além disso toda a acção é percorrida pelo mesmo tipo de ironia, de humor amargo mas simpático, que era uma das marcas do romance de Hollinghurst.
Destaque ainda para as interpretações, sobretudo do protagonista, Dan Stevens, por cujo olhar perpassa a essência desta história, seja quando ele se deslumbra com o requinte dos seus amigos ricos, seja quando é devorado pelo desejo e pela concupiscência. Outro retrato brilhante é o de Gerald Fedden, a cargo do actor Tim McInnerny, o membro do parlamento Tory que, apesar de ser um político tão desprezível como os piores, nunca deixa de ser caloroso, simpático e bem-humorado.   
Eu sei que ainda só passou o primeiro episódio, mas de qualquer forma não acho exagerado afirmar que estamos perante uma das melhores séries inglesas dos últimos anos, a alinhar, em qualidade e brilhantismo, com Brideshead Revisited que é, na minha opinião, o paradigma da qualidade televisiva de ficção inglesa.

Tags: cinema, livros
Subscribe

  • 255

    Arrepiei-me verdadeiramente com as notícias, e as imagens, do desastre que aconteceu a semana passada com a derrocada da estrada que liga Vila Viçosa…

  • mapplethorpe

    Apesar de eu não poder, por razões que têm a ver com o meu estado de saúde, ir ao Porto ver a exposição retrospectiva que o Museu de Serralves…

  • rufus gifford, o embaixador

    Passei o último mês e pouco, desde que tive alta em 20 de julho, quase sempre em casa, a recuperar da última cirurgia, e a preparar-me para a…

  • Post a new comment

    Error

    default userpic
    When you submit the form an invisible reCAPTCHA check will be performed.
    You must follow the Privacy Policy and Google Terms of use.
  • 15 comments

  • 255

    Arrepiei-me verdadeiramente com as notícias, e as imagens, do desastre que aconteceu a semana passada com a derrocada da estrada que liga Vila Viçosa…

  • mapplethorpe

    Apesar de eu não poder, por razões que têm a ver com o meu estado de saúde, ir ao Porto ver a exposição retrospectiva que o Museu de Serralves…

  • rufus gifford, o embaixador

    Passei o último mês e pouco, desde que tive alta em 20 de julho, quase sempre em casa, a recuperar da última cirurgia, e a preparar-me para a…