miguel (innersmile) wrote,
miguel
innersmile

Trouxe ontem do videoclube dois dvds. Claro que ver cinema no televisor dá-me sempre sono, mas como é em dvd dar para ir vendo aos pedaços.
Um dos filmes foi o School of Rock, uma comédia-veículo para o Jack Black, e que eu tinha vontade de ver, sobretudo desde que descobri, há dias, que era realizada pelo Richard Linklater, o realizador de Before Sunrise e Before Sunset. E a verdade é que é uma comédia deliciosa, que não perde um certo contacto com a realidade, com a vida, sem se perder demasiado nas fórmulas de género tão irritantes nas comédias americanas da indústria. E gostei muito do JB, apesar de achar que ele não resiste a transformar o filme num one man show. Felizmente, ele ainda é novo e tem sentido (auto)crítico suficiente para manter as coisas dentro de um certo controle, sem se tornar demasiado canastrão. Mas o perigo está lá.

o Outro filme foi um documentário, Capturing The Freidmans, que passou nas salas há algum tempo atrás, e que eu não tinha visto. É um filme interessantíssimo, nomeadamente agora que o circo do julgamento do chamado Caso Casa Pia trouxe o debate sobre a pedofilía de novo para a ordem do dia.
O filme conta, através de uma colecção impressionante de home movies, alguns realizados nos piores momentos de crise, e de entrevistas obtidas propositadamente para o filme, a revelação surpreendente e chocante de que no seio de uma família aparentemente feliz, se escondia um caso, ou melhor, dois casos, de abuso sexual de menores. Se o debate acerca da pedofilia não é uma coisa a que, infelizmente, estejamos desabituados, já esta perspectiva do filme é muito mais rara: analisar a forma como o caso, a investigação policial, o julgamento, é vivido no seio da família de onde saem os supostos criminosos.
Tags: cinema
Subscribe
  • Post a new comment

    Error

    default userpic
    When you submit the form an invisible reCAPTCHA check will be performed.
    You must follow the Privacy Policy and Google Terms of use.
  • 0 comments