?

Log in

No account? Create an account

10 livros
rosas
innersmile
O João Roque lançou o desafio no Facebook de indicarmos 10 livros que nos marcaram muito. Eu peço muita desculpa ao João, mas o Facebook não é a minha casa e só lá ando porque é o único meio de manter contacto eficaz com meia dúzia de pessoas que me são muito importantes; de resto não gosto da plataforma, não acho piada e o que lá vou pondo é só meio episódico ou quando quero mostrar alguma coisa à tal meia dúzia de pessoas que não teriam possibilidade de a ver nos outros sítios da net por onde ando.

Por isso, para mim só faz sentido responder ao desafio do João se o trouxer para aqui. Por outro lado, dez livros que nos marcaram parece demasiado vago e demasiado curto, por isso decidi criar critérios. Um é dividir a tabela ao meio e escolher 5 livros que foram escritos em português e outros 5 escritos originalmente noutro idioma (o título, como costumo fazer, segue sempre na língua em que li o livro, não necessariamente naquela em que ele foi escrito).

Outro critério foi deixar a poesia e o ensaio de fora e escolher apenas prosa literária, aqui incluindo a ficção, claro, mas também a biografia ou as memórias. Finalmente, como sou velho, a lista dos livros que li é imensa e a memória já não é o que era, decidi apenas escolher livros que foram publicados no século XXI, considerando para esse efeito que o presente século começou no ano 2000. Ah, e uma regra suplementar de apenas escolher um único livro de cada autor.

E posto isto, a lista é a seguinte:

Lingua Portuguesa:

- Persona, de Eduardo Pitta (2000)
- Pode Um Desejo Imenso (Trilogia), de Frederico Lourenço (2002 e 2006)
- As Visitas do Dr. Valdez, de João Pedro Borges Coelho (2004)
- Carmen, de Ruy Castro (2005)
- As Mulheres do Meu Pai, de José Eduardo Agualusa (2007)

Outros Idiomas:

- Austerlitz, de W.G. Sebald (2001)
- Kafka À Beira-Mar, de Haruki Murakami (2002)
- My Lives, de Edmund White (2005)
- The Twin, de Gerbrand Bakker (2006)
- The Indian Clerk, de David Leavitt (2007)
- Just Kids, de Patti Smith (2010)
- Brooklyn, de Colm Tóibìn (2009)

Os livros estão ordenado pelo ano da edição original, e como se pode constatar os 5 livros em língua estrangeira são 7!

Num comentário ao seu post no Facebook, o João lastima que a Margarida não esteja nessa rede social, para poder ser uma das desafiadas. Ora, como eu já subverti as regras e desencaminhei o desafio para a blogosfera, aqui deixo o repto à Margarida para nos indicar as suas escolhas.
Tags: