?

Log in

No account? Create an account

guilherme de melo, rip
rosas
innersmile
Soube da notícia há pouco através de uma SMS familiar e vim à net confirmar: faleceu hoje o escritor Guilherme de Melo. Estou muito triste, apesar de saber que ele estava bastante doente, e de, há pouco mais de um mês, ter tido essa notícia através de uma pessoa da minha família que falou com ele ao telefone.

Já aqui escrevi algumas vezes sobre GdM, e sobre a importância que ele teve para mim, como homem e como escritor. É autor de um livro que eu venero, A Sombra dos Dias, que já li duas vezes e que certamente lerei de novo no futuro.

No dia 6 de março de 2003 escrevi aqui no innersmile, a propósito do livro de GdM Gayvota, um texto que para mim na altura foi importante, pois através dele fiz o meu outing para os amigos com quem, aqui no livejournal, constituía uma comunidade que durante algum tempo foi bastante forte e entusiasmante. Hoje já não me revejo em tudo o que escrevi nesse texto, mas há uma coisa que continua a ser verdadeira: devo a GdM o meu primeiro role model homossexual, um tipo que era absolutamente normal, ou seja que não era abichanado nem afeminado, um jornalista que eu conhecia de o ler desde os meus tempos de infância, e que se assumia sem culpas nem desculpas.

Este texto bem como os outros que aqui escrevi sobre Guilherme de Melo e os seus livros, podem ser lidos neste link: innersmile.livejournal.com/tag/guilherme%20de%20melo.