September 2nd, 2012

rosas

5 fotos no sinai 3/5



A bi-dimensionalidade da fotografia rouba ao coração do deserto o melhor que o vale tem: a profundidade sem limite do campo. As acácias do deserto, cuja resiliência contraria a aparência frágil, oferecem sombra aos camelos e aos seus condutores, e tranquilidade à exaltação do olhar. O falcão de pedra domina uma garganta estreita. O que o vale nos diz é que nunca mais o poderemos voltar a olhar como se fosse a primeira vez.