?

Log in

No account? Create an account

inventário II - dança, exposições, teatro, concertos
rosas
innersmile
Não foi um ano famoso em termos de quantidade, mas vi alguns bons espectáculos. A dança fez o pleno: três espectáculos, três bons espectáculos. Só pela novidade, o destaque vai para Orphée, pela companhia Montalvo-Hervieu. A peça de teatro que mais gozo me deu assistir este ano foi Amadeus, no Teatro Nacional D. Maria II. Mas também gostei bastante de dois espectáculos que vi em Coimbra, na Oficina Municipal de Teatro, por duas companhias norte-americanas: Mission Drift e Your Brother, Remember? Vi poucos concertos, mas é difícil destacar os que gostei mais, pois foram todos muito bons. Claro que ver o Caetano e a Gadú juntos foi emocionante, mas também foi muito especial assistir ao concerto da Laurie Anderson, que adorei. E o final do concerto dos The National no Campo Pequeno foi absolutamente inesquecível.
Aqui fica a lista completa.

Dança:

- Paisagens... Onde o Negro é Cor, pela Companhia Paulo Ribeiro, encenação de Paulo Ribeiro Teatro Aveirense, Aveiro)
- Pets, pela Companhia Olga Roriz, encenação Olga Roriz (TCSB, Coimbra)
- Orphée, um espectáculo de José Montalvo e Dominique Hervieu (Culturgest, Lisboa)

Exposições:

- Trisha Brown (Serralves, Porto)
- José Barrias (Serralves, Porto)

Teatro:

- Noite de Reis, de William Shakespeare, pel'O Teatrão (OMT, Coimbra)
- Os 39 Degraus, encenação Cláudio Hochman (TAGV, Coimbra)
- Rigoletto, pela Ópera Nacional da Moldávia (TAGV, Coimbra)
- Single Singers Bar, Café Concerto, pelo Teatrão (OMT, Coimbra)
- Mission Drift, pela companhia The Team (OMT, Coimbra)
- Do Amor, de Lars Norén, encenação de Solveig Nordlund (TCSB, Coimbra)
- Em Tudo Te Vejo, recital de Natália Luiza (Hotel Astória, Coimbra)
- Your Brother, Remember?, de e por Zachary Oberzan (OMT, Coimbra)
- Amadeus, de Peter Schaffer, encenação de Tim Carroll (TNDMII, Lisboa)
- É Como Diz o Outro, encenação de Tiago Guedes (Teatro Aveirense, Aveiro)

Concertos:

- Nobody´s Bizness, showcase (FNAC, Coimbra)
- Orquestra Sinfónica do Porto, O Faroeste, dirigida por Joseph Young (Casa da Música, Porto)
- Mr Joe Black (TAGV, Coimbra)
- Patricia Barber (Casa da Música, Porto)
- Adriana Calcanhotto (Casa da Música, Porto)
- The National (Campo Pequeno, Lisboa)
- Laurie Anderson (Casa da Música, Porto)
- Caetano Veloso e Maria Gadú (Pavilhão Rosa Mota, Porto)