?

Log in

No account? Create an account

11-11-11-11-11-11
rosas
innersmile
11-11-11

E daqui a bocadinho, pouco depois das onze e dez, vão ser 11:11:11 (de) 11-11-11, um palíndromo de doze dígitos.

A propósito desta data com uma sequência de números perfeita, andei atrás dos palíndromos, que são palavras, frases ou expressões que podem ser lidas em ambas as direcções, da esquerda para a direita, ou de trás para a frente. Quando se trata de números os palíndromos são normalmente chamados capicuas.

Encontrei na net inúmeros sites (no google parece vigorar sempre a lei das grandes séries) sobre palíndromos, com listas intermináveis de frases mais ou menos bizarras ou caricatas, com significados mais ou menos ocultos ou completamente estapafúrdios. Gostei particularmente de dois. Um clássico, ‘Socorram-me, subi no ónibus em Marrocos’, e um outro cuja autoria é atribuída a Chico Buarque: ‘Até Reagan sibarita tira bisnaga ereta’.
Tags:

os donos da bola
rosas
innersmile
Resultado ao intervalo: Taxas de Juros 2 - Democracia 0

Com a queda do governo de Berlusconi e a provável nomeação de Mario Monti como primeiro-ministro italiano, é o segundo governo europeu ‘on the making’ que não resulta de eleições. E se em relação a ‘Il Caimano’ isso até poderia parecer uma coisa boa, convém não esquecer que Giorgios Papandreou, substituído hoje à frente do governo grego por Lucas Papademos, tinha sido eleito há pouco mais de dois anos, já em plena crise das dívidas soberanas, precisamente com o objectivo de fortalecer o governo e amansar a fera.

Dois governos, um de esquerda e outro de direita, que sucumbem à inquietação dos mercados. Ou seja, aparentemente a fera não se deixa amansar em função de perfis ideológicos. Em Portugal, um dos argumentos mais utilizados para justificar a queda de Sócrates e a realização das eleições de Junho, foi a necessidade de haver um governo forte que ajudasse a criar um clima de confiança nos mercados de financiamento das dívidas soberanas. Até ver sem grandes resultados, apesar do esforço obsessivo do actual governo em empobrecer o país e os portugueses a níveis de miséria franciscana.

Aqui há uns anos havia uma canção incendiária dos Proppelerheads em que a Shirley Bassey cantava, com aquele vozeirão à genérico de fita do James Bond, “that's it's all just a little bit of history repeating”. Como eu acredito que todas as coisas importantes da vida podem ser explicadas com a simplicidade dos três minutos de uma canção pop, aqui fica um clip com a canção para nos ajudar a não esquecer as verdades elementares.



The word is about
There's something evolving
Whatever may come
The world keeps revolving

They say the next big thing is here
That the revolution's near
But to me, it seems quite clear
That's it's all just a little bit of history repeating

The newspapers shout
A new style is growing
But it don't know
If it's coming or going

There is fashion, there is fad
Some is good, some is bad
And the joke is rather sad
That it's all just a little bit of history repeating

And I've seen it before
And I'll see it again
Yes, I've seen it before
Just little bits of history repeating

Some people won't dance
If they don't know who's singing
Why ask your head
It's your hips that are swinging

Life's for us to enjoy
Woman, man, girl and boy
Feel the pain, feel the joy
Aside set the little bits of history repeating

Just little bits of history repeating

And I've seen it before
And I'll see it again
Yes, I've seen it before
Just little bits of history repeating