?

Log in

No account? Create an account

spam
rosas
innersmile
Aqui o livejournal está cada vez mais cheio de spam. É raro o dia em que não tenho três ou quatro comentários maliciosos, quase sempre nas mesmas entradas. Já cheguei a alterar o status de alguns posts para privado só para estancar as resmas de comentários spam. Neste momento duas outras entradas estão sob ataque contínuo, e estou a ver que também tenho de as pôr em privado. O que me aborrece um bocado, pois por hábito todas as entradas aqui do innersmile são públicas. Até há pouco tempo só tinha, que me recorde, um texto em privado, sobre um concerto de uma certa fadista muito alta e de cabelo curtinho. A apreciação era negativa e fartei-me de receber comentários a insultar-me por estar cheio de inveja da fadista, e a solução foi mesmo esconder esse post. E como não estou para mais cenas, lá fica a senhora por nomear, não vá vir aí de novo a brigada.

Em consequência deste ataque de spam o livejournal alterou algumas coisas, e uma delas foi passar a fazer screening de todas as mensagens anónimas. Já tentei alterar isso e não consegui, o que significa que todos os comentários dos amigos que não estão registados no livejournal ficam escondidos até eu os autorizar. Claro que eu os ponho visíveis assim que dou por ela, mas é aborrecido porque às vezes estou algum tempo sem vir ao livejournal, e também já aconteceu eu não me lembrar, ou nem sequer repar que essas mensagens estão escondidas. Isto é muito chato, e desde já peço desculpa aos amigos que comentam como anónimos se por acaso um dos seus comentários demorar um pouco mais a aparecer.

A maior parte dos comentários de spam são ilegíveis, suponho que por serem criados na ‘mother ruchia’ ou lá onde quer que os servidores do livejournal estão instalados. Dos restantes, a grande maioria consegue-se ler, mas são incompreensíveis, pelo menos para mim, que não entendo nada do que eles querem dizer. Mas até o spam, irritante e maçador como é, pode ter coisas divertidas. Um destes dias apareceu um comentário a pedir-me para visitar um link, malicioso concerteza, mas que começava assim: I am organising a trip to Israel this summer so i wanted to ask what is the scene like on the subject of escort service in Israel? I have go through numerous threads all over the internet but i could not get a lot of info on the topic. Anyways, are there any strip clubs? are there any escort girls in Israel whatsoever? any recommendations how to locate escort service in Israel?.

Palavra, não consigo passar daquela parte do “subject of escort service in Israel” sem desatar às gargalhadas. É tão bonito um gajo estar em Coimbra a pensar em serviços de acompanhantes em Israel! Surreal.
Tags: