?

Log in

No account? Create an account

dead combo+gary lucas
rosas
innersmile
Mais uma edição do festival Coimbra em Blues trouxe ontem à noite ao palco do Gil Vicente os Dead Combo juntamente com o guitarrista Gary Lucas. Para quem não sabe (como eu não sabia), Lucas é um consagrado guitarrista, que tocou, e estabeleceu parcerias artísticas, com lendas como Captain Beefheart ou Jeff Buckley (é co-autor de Grace).
O concerto de ontem resultou de um projecto criado especificamente no âmbito do festival e que passou por uma residência do músico americano em Coimbra. O concerto foi aberto pelos Dead Combo, com o seu blues muito ambiental e incorporando frases e referências latinas, particularmente lusas (o fado com que abriram foi um exemplo). Depois juntou-se-lhes o Gary Lucas para uma fase mais experimental, a seguir tivemos Lucas sozinho em palco, a contar histórias e a recriar, numa eloquente steel guitar, alguns dos seus trabalhos de compositor, e o segmento final do concerto novamente com os Dead Combo, com recriações de temas de Gary Lucas e pelo menos um composição saída da reunião dos três músicos.
Foi um concerto muito bonito, com muita alma e um visível entusiasmo por parte dos músicos. Pena algumas deficiências de som, que, mesmo assim, não chegaram a retirar beleza à música carregada de evocações, nem impediram o deliciado gozo de ouvir um guitarrista virtuosíssimo.
Tags: