October 30th, 2007

rosas

(no subject)

FADO DA ESTRELA

no céu havia uma estrela
que toda a noite brilhou
ao chegar a manhã bela
a luz da estrela apagou


para lá do meu balcão
defronte da minha janela
tremendo na escuridão
no céu havia uma estrela

enquanto por ti esperei
a estrela não me faltou
à sua luz eu velei
que toda a noite brilhou

a madrugada surgindo
rompeu em luz amarela
a estrela foi-se sumindo
ao chegar a manhã bela

mas foi vã minha vigília
quem esperava não chegou
e à luz crua do dia
a luz da estrela apagou