?

Log in

No account? Create an account

Chefraganésia
rosas
innersmile
"Domingo, 3 Maio 1992
Ontem fui (…) passar o dia a Aveiro. O verdadeiro fim da missão foi ir comer pizzas ao Pizza Hut, que abriu num hipermercado. Finalmente consegui comprar a cassete do álbum dos Ritual Tejo. Vale sobretudo porque tem 'Foram cardos, foram prosas', um velho êxito do Miguel Esteves Cardoso e do Ricardo Camacho, na voz da Manuela Moura Guedes, para aí há uns 10 anos. É uma canção lindíssima, muito portuguesa, deprimente e melancólica. E mórbida, muito mórbida. Imaginei um clip super necrófilo, com um herói antigo, atlético e despido, a fazer amor com uma morta de longos cabelos castanhos e vestida de branco (não muito original), em cima de um altar de pedra. Acabava com o altar em chamas, com os corpos a arder, e a banda a dançar e a cantar em primeiro plano. As cenas de amor seriam, naturalmente, mais sugeridas que mostradas, mas definitivamente inequívocas. Acho que havia qualquer coisa assim no primeiro filme do Conan, e sem dúvida que o Arnaldo Chefraganésia era a pessoa ideal para foder a morta (e, quem sabe?, engravidá-la)."
Tags: