September 7th, 2007

rosas

creta.5

26.8.07
São nove da noite. Acabámos de entregar o carro na agência e de perder a hora de jantar aqui no hotel caucasiano. Apanhámos uma fila de trânsito, ou melhor, várias filas, e chegámos tarde.

De manhã fomos a Aggios Nikolaos, na parte oriental da ilha, uma cidade pequena que cresce como um presépio (ou um altar de São João) em torno de um pequeno lago e de um porto interior.
Tomámos um frappé numa esplanada junto ao lago e depois demos uma volta pelo centro da cidade, para mais umas compras.
A seguir fomos para Ierapetra, de novo no lado sul da ilha. O caminho entre as duas costas, neste ponto da ilha, são uns breves 15 quilómetros de estrada, mas sempre feitos ladeando um maciço montanhoso que se ergue imponentíssimo ao nosso lado esquerdo, a que não falta um desfiladeiro, a garganta de Ha, perfeitamente visível da estrada apesar de ser muito estreito. São de facto impressionantes estas montanhas de Creta, muito altas e abruptas, de encostas quase verticais e despidas de vegetação.

Em Ierapetra fiquei na esplanada a beber um refresco enquanto o P. foi visitar a enésima fortaleza veneziana. Depois almoçámos num restaurante chamado Toina, dos que ficam no passeio junto à praia. Demos uma volta pela cidade velha, e fomos espreitar a chamada casa do Napoleão: reza uma lenda que o imperador francês passou uma noite incógnito nessa casa, quando ia de barco a caminho do Egipto, e que só na manhã seguinte, através de um recado que deixou, os donos da casa ficaram a conhecer a famosa identidade do seu hóspede.
Sentámo-nos numa esplanada numa ruazinha estreita atrás do museu antropológico, de um café com biblioteca, e o dono veio perguntar o que queríamos. Pedimos duas águas frescas e ele informou que nos ia servir mas que ia fechar o café, para ficarmos à vontade e deixarmos os copos em cima da mesa.
Já no caminho de regresso, parei, um pouco ao acaso, numa das praias da baía de Istron, para uma tarde de descanso, a que se seguiu o obrigatório frappé no bar da praia, a bebida oficial destas férias em Creta.