August 8th, 2007

rosas

(no subject)

Ainda a propósito do livro do Armistead Maupin, Michael Tolliver Lives!, encontrei esta entrada antiga do meu diário, do ano de 1996:

Segunda, 28 Outubro
Faltam poucas páginas para terminar os Diários de Kenneth Williams. Quarenta e tal anos em 800 páginas. Durante perto de dois meses convivi, diáriamente, com KW. Sinto uma espécie de dor por saber que estou perto do final, e que o fim do livro corresponde à morte de KW. É o que se pode chamar a morte anunciada. É uma coisa parecida como quando acabei de ler o último livro da série Tales of the city, mas pior. Com as Tales... eu sabia que era ficção, e, até por isso, podia imaginar que as vidas de Michael & companhia continuavam, eu é que deixava de as acompanhar. Com KW é mais duro, há uma morte pelo meio. A crueldade maior é que eu já estou ansioso por começar a ler outro livro.