?

Log in

No account? Create an account

(no subject)
rosas
innersmile
FADO DA HORA DA VERDADE

vivemos na mesma casa
tanto tempo, que a asa
do milhafre sossegou
mas traz o voo da ave
recordação que ressalve
esse tempo que passou

somos amigos seguros
mas dentro dos nossos muros
eu sinto-me bandoleiro
porque te roubo o direito
de conheceres no meu peito
aquele que sou por inteiro

eu sou aquele que conheces
mas os versos que tu esqueces
de mim são só o assomo
o resto por cobardia
não sai à rua de dia
e nega sabor ao gomo

aquilo que eu queria dar-te
é que dá sentido à arte
em que revelo, escondendo
vê lá se tu adivinhas
verdades que são só minhas
que não digo, mesmo querendo

não me chames mentiroso
se revelar eu não ouso
como milhafre ousa a asa
mesmo escondendo a metade
sempre te fui de verdade
vivendo na mesma casa
Tags: