August 30th, 2005

rosas

losing my mind

Eu sei que sou um bocado bimbolé (olá madrinha!); aliás, se havia algumas dúvidas, a entrada anterior foi esclarecedora. E a verdade é que eu gosto de coisas pirosas, kitsch, e, se tiverem aquele pontinha cor de rosa, camp (mas camp mais facção Dame Edna do que propriamente Susan Sontag). Isto para justificar que o mais recente disco que eu encomendei da Amazon foi a reedição especial de Results, o disco que Liza Minnelli fez em 1989 com os Pet Shp Boys.
A verdade é que o disco tem tudo aquilo que faz um bom disco. Grandes canções, com destaque para a melhor de todas, Losing My Mind, do grande, enorme, Stephen Sondheim, e ainda para Rent e So Sorry, I Said, dos PSB, e uma versão anabolizada de Twist In My Sobriety, da Tanita Tikaram. Além disso, tem óptimas orquestrações, uma produção poderosa toda eighties à PSB, e, sobretudo, uma prestação vocal extraordinária, de interpretação, drama e teatralidade (ou não fosse a Liza uma verdadeira drama queen).
Esta edição especial tem ainda, no alinhamento do disco, três remisturas, e um cd adicional com clips de três canções do disco. Os clips, que foram uma das razões determinantes para a compra do cd, não são grande coisa, se bem que mostram a Liza na sua melhor forma física desde há muitas décadas (ok, graças a deus pelos efeitos digitais).
Seja como for, é o disco que neste momento roda no meu carro, de modo que é muito possível que me vejam, um dia destes, parado num semáforo, a gritar com voz de falsete «you said you loved me, or were you just being kind, or am I losing my mind».