October 13th, 2002

rosas

primo levi você agora anda sempre

Primo Levi
Você agora anda sempre
um bocadinho comigo
Já não está sozinho
na abjecta e profunda
escuridão do Lager
As pesadas solas de madeira
ressoam agora no interior
de um coração humano
E eu hei-de segurar-lhe a cabeça
encostá-la de encontro ao meu peito
e sossegar-lhe essa sua
infinita desistência
Sim, Primo Levi
apesar de tudo
havia futuro.