miguel (innersmile) wrote,
miguel
innersmile

tudo para sentir

"Era telúrico e único. Sonhava. Sonhava adeuses e sombras. Sonhava deuses. Era cruel porque desde sempre foi desesperado. Encontrou um homem-anjo. Para que vivessem juntos, na Terra, para sempre, ele cortou-lhe as asas. O outro matou-se, mergulhando nas águas. Estou vivo até hoje. Estou velho. Às noites bebo muito e olho as estrelas. Muitas vezes, escrevo. Aí repenso aquele, o hálito de neve, a desesperança. Deito-me. Austero, sonho que semeio favas negras e asas sobre uma terra escura, às vezes madrepérola."

- Hilda Hilst, CARTAS DE UM SEDUTOR
(Campo das Letras)


O innersmile entra hoje em modo de pausa, à mercê das paragens de autocarro vazias e dos cibercafés tristes, das áreas de repouso para lá da linha do equador. Mas o infinito continuará azul.

E a noite lá fora.
Subscribe
  • Post a new comment

    Error

    default userpic
    When you submit the form an invisible reCAPTCHA check will be performed.
    You must follow the Privacy Policy and Google Terms of use.
  • 7 comments