miguel (innersmile) wrote,
miguel
innersmile

Em Madrid contam-se os mortos.
A besta mostrou a sua face, e desta vez o rosto que se esfuma em baba e ódio e o rosto que se esvai em sangue e medo, são os dos nossos vizinhos, os dos nossos irmãos.
Somos todos madrilenhos, hoje. Porque estamos todos de luto. Porque nos morreu um irmão, uma filha, um avô, um primo. Porque nos morreu, um pouco mais, a razão.
Subscribe

  • saturday morning

    já não haverá manhãs de sábado isentas de morte imaculadas manhãs estiradas na cama ou no sofá manhãs em forma de gato uma playlist para embalar…

  • essencial

    hei-de recordar o essencial mãe a acácia tronco esguio copa horizontal a vastidão da savana o céu azul infinito ao alcance dos dedos mãe

  • notícias

    morreste, foste embora trocou-se uma ausência por outra os dias lá foram andando a vida vivida como uma doença incurável lembro-me de ti vez em…

  • Post a new comment

    Error

    default userpic
    When you submit the form an invisible reCAPTCHA check will be performed.
    You must follow the Privacy Policy and Google Terms of use.
  • 5 comments