miguel (innersmile) wrote,
miguel
innersmile

uns têm em demasia

Uns têm em demasia,
enquanto a outros escasseia.
Uns têm em grande,
outros têm pouco.
Uns gemem alto à noite,
outros sussurram baixinho à luz da madrugada.
Uns têm o vento lá fora,
a outros sopra-lhes o frio por dentro.
Uns são belos como a seara e o azul dos lagos,
outros andam de olhos fechados a fugir da cegueira.
Uns adormecem no iluminado patamar do desejo,
outros dormem à noite nas ruas.
Uns são fortes como animais,
a outros, devoram-nos os bichos.

Uns deitam a cabeça no meu peito,
a outros pesa-nos o vazio.
Tags: poemas
Subscribe
  • Post a new comment

    Error

    default userpic
    When you submit the form an invisible reCAPTCHA check will be performed.
    You must follow the Privacy Policy and Google Terms of use.
  • 4 comments