miguel (innersmile) wrote,
miguel
innersmile

3 e 15



Poemas, crónicas, impressões, entradas de blogs, apontamentos, ficções. É impossível conter a descrição deste livro nos formatos habituais. É confessional, claro, pessoal e íntimo, mas o olhar distanciado do autor sobre si próprio e a sua circunstância, transformam estes textos numa espécie de 'com a verdade me enganas'. Ou então o contrário disso: acrescentar camadas, ocultar referências, descontextualizar, para de certa maneira tornar estes textos mais verdadeiros e essenciais. A escrita é sempre brilhante, criativa e imaginativa, e correctíssima, mesmo quando nos desafia com o desvio à gramática. O tom é quase sempre um pouco provocatório, mas nunca insolente ou arrogante. Antes pelo contrário, o olhar do autor é benevolente, e quando é mais afiado e acutilante, é a si próprio que se dirige. O humor faz parte do ADN destes textos, mas não é a graça, a piada fácil; é o humor de quem sabe que para serem levadas a sério, as coisas (a vida, o mundo...) não podem ser levadas demasiado a sério.
Tags: eduardo de souza caxa, livros
Subscribe

  • azul velho

    Esta foto tem mais de 11 anos, foi feita em Março de 2008 na piscina de um resort em Hoi An, no Vietname, por um outro hóspede que eu não…

  • I wanted to dance

    Há já algum tempo cruzei-me com um poema de Allen Ginsberg de que gostei muito, e que me ficou na memória. Há uns dias, a propósito de uma leitura,…

  • ventre calmo da terra

    TRAVESSIA DO DESERTO Que caminho tão longo Que viagem tão comprida Que deserto tão grande Sem fronteira nem medida Águas do pensamento Vinde regar…

  • Post a new comment

    Error

    default userpic
    When you submit the form an invisible reCAPTCHA check will be performed.
    You must follow the Privacy Policy and Google Terms of use.
  • 2 comments