Previous Entry Share Next Entry
joão afonso no conservatório
rosas
innersmile
Concerto de João Afonso, ontem, no auditório do Conservatório de Coimbra. A apresentar sobretudo temas do seu último disco, Sangue Bom, e acompanhado por quatro excelentes músicos: João Ferreira, percussão e bateria, Vitor Milhanas, baixo, Miguel Fevereiro, guitarra eléctrica, e António Pinto, guitarras.

Pelo meio dos temas de Sangue Bom, com textos de Mia Couto e José Eduardo Agualusa, lugar ainda para outros temas do próprio João Afonso, como o popular Carteiro em Bicicleta ou um inédito, e três canções de José Afonso. Infelizmente não tocou Lagarto, um dos meus temas preferidos do disco, mas tocou outras, igualmente lindíssimas como Verde Para Crer ou Na Grande Casa Branca.

A carreira discreta que o João Afonso vem mantendo há décadas (Maio Maduro Maio, o primeiro projecto discográfico em que participou, é de 1994, e Missangas, o primeiro disco a solo, é de 1997) tem sido sempre muito interessante, nomeadamente pela feliz fusão que o artista tem conseguido explorar entre as músicas africana e popular portuguesa, e há nas suas canções, e na sua voz, uma beleza tão subtil como extasiante e tranqulizadora.

Só uma nota para acrescentar que em alguns temas, o concerto teve como convidado o músico Manuel Rocha com o seu violino; apesar de ser uma espécie de património musical da cidade (por variadíssimas razões), é incrível como ouvi-lo tocar parece sempre ser uma coisa nova e surpreendente.
Tags:

?

Log in

No account? Create an account