Previous Entry Share Next Entry
numb
rosas
innersmile
Tive ontem a primeira consulta pós-operatória. Estava muito ansioso, porque achava que não me ia safar de fazer tratamentos complementares. Mas como o tumor é muito parecido com os anteriores (superficial, não invasivo, de baixo grau de malignidade), o médico decidiu que por enquanto ficamos por aqui. São boas notícias, claro, por isso... yay!

Vou fazer nova cistoscopia de controlo logo no início de janeiro. O que preocupa o médico é esta última recidiva ter sido tão rápida. Já me disse que se acontecer de novo, ou seja nova recidiva dentro de pouco tempo, então terei mesmo de fazer quimioterapia. Tenho de fazer um esforço enorme para não me deixar desanimar com isto, com as perspectivas futuras. O ponto é que me ando a sentir um bocado ‘numb’ (versão The Edge: “don’t project, don’t connect, protect”), e não gosto. Mas os próximos dias podem trazer-me coisas boas, e neste momento é mesmo só isso que importa.

  • 1
I hope you continue to stay well & your next cystoscopy finds your bladder free of lesions... Be well & happy -- ok?

thank you very much Pat. you´re sweet :)

Tens que pensar positivo :-) ainda bem que as noticias são boas. O melhor é vê-las como uma espécie de trampolim e dar um salto de cada vez mas sempre com um sorriso.

sei que tenho, mas nem sempre se consegue; ou não se consegue sempre, o que não é propriamente a mesma coisa :)

ansioso antes do tempo não vale a pena. tem calma e think positive :)

é verdade, Margarida. mas para não se pensar muito antes de tempo é preciso uma certa leveza, que eu acho que perdi (e não, por leveza não me refiro aos quase 100 quilos de peso eheh)

sim, são boas notícias :))

é mais que natural essa apreensão mas tu tens sabido fazer o melhor com o que te tem acontecido. continuas sempre a viver, a fazer a tua vida, ler os teus livros, ver os teus filmes, estar com a tua baby, com os teus amigos... isso essa doença não te tira porque tu não deixas.

espero que os próximos dias tragam muitas coisas boas então.

sim, às vezes é complicado tentar manter uma certa normalidade, mas, pelo menos para mim, sobreviver passa essencialmente por isso

YaY!! :D Tão boas notícias! :)

Claro que não vai haver nova recidiva. Tu não sabes, mas todos os dias levas com uma dose de energias positivas reikianas. :) E, provavelmente, em dose dupla. ;)

keep them coming, Carla :)
é bom sabermos que não estamos sozinhos nisto

Claro que o não desanimar é uma luta constante mas pronto temos de fazer esse esforço, não é? ;)
Vai correr bem. Estamos todos aqui a desejar-te o melhor.
Beijinho no coração.
<3

sim, por vezes é muito difícil. e temos de resistir sempre àquela pergunta do why me, que não serve para nada a não ser para nos fazer sentir (mais) infelizes :)

Torcendo e caminhando contigo em janeiro.

estou muito amedontrado, Bruno. tomara que esteja tudo certo

  • 1
?

Log in

No account? Create an account