?

Log in

No account? Create an account

Previous Entry Share Next Entry
só se morre uma vez. fantasma
rosas
innersmile
Manhãs de praia, tardes de piscina, serões no bar do hotel. Ou seja, horas e horas de leitura.



Li em primeiro lugar Só Se Morre Uma Vez, o segundo volume do diário de Rita Ferro. Já tinha lido, na altura em que foi editado, o primeiro volume, Veneza Pode Esperar, sobre o qual escrevi aqui o seguinte:

“RF conseguiu uma coisa admirável que foi encontrar, na escrita de um diário que se sabe à partida que é para publicação, o ponto exacto entre o confessionalismo (sem nunca tropeçar no intimismo ou no gossip, mas também não os desprezando completamente) e o carácter reflexivo e um pouco mais distante e analítico sobre a condição humana. Para mais, Rita Ferro escreve bem, de maneira elegante, e com humor. Sabe compor a sua própria personagem em doses homeopáticas de ego e auto-depreciação, mas sem nunca correr o risco da auto-complacência ou do cinismo. É feminina e feminista; nunca santa ou predadora. Defende as jóias da família, mesmo quando tem de as vender, e a exacta consciência de classe livra-a de frivolidades e de frioleiras. Deu a impressão de que este livro foi uma prenda, e uma prenda de amor. E isso só o engrandece.”

Mutatis mutandis como se dizia nos direitos, ou seja, isto vale igualmente para este segundo volume do diário, e isto não é uma crítica; pelo contrário, é um reencontro.



Li igualmente Fantasma, de Luís Alfredo Garcia-Roza. Mais uma aventura do Delegado Espinosa nas ruas de Copacabana, desta vez envolvendo uma Princesa intrigante. Muito atmosférico, como os anteriores volumes da série, mas mais concentrado na intriga e nas suas peripécias.

  • 1
fiquei um bocado desconsolada com este do GR.

eu gostei (um amigo meu diz que eu gosto de tudo). gostei da Princesa e do Isaías. mas também achei que por pouco o livro não era como o Bereníce Procura, ou seja: sem Espinosa :)

Falta ainda algum para completar a leitura dos Garcia-Roza?

Edited at 2016-01-01 03:13 pm (UTC)

falta-me ler o último que me deste, Na Multidão, que é o último da série. tenho até pena de o ler e perder a sensação feliz de que ainda tenho mais 'espinosas' à minha espera :)

Poderemos nos aventurar por outros mares então

enganei-me: o livro que me falta ler do Espinosa, é Um Lugar Perigoso.

  • 1