Previous Entry Share Next Entry
granta 5, falhar melhor
rosas
innersmile


Uma capa excelente da autoria de Jorge Colombo, e um artigo a abrir muito poderoso, de Paulo Varela Gomes. Gostei ainda do conto de Bruno Vieira Amaral, do texto de Gore Vidal e do ensaio em forma de memória de Jacinto Lucas Pires. O resto, para ser franco, não me entusiasmou, e foi, de todos os já publicados, o número da edição portuguesa da Granta que achei mais fraco.

Tenho até pudor de falar sobre o texto de Paulo Varela Gomes. Por ele, naturalmente, porque acho que só se tem direito a falar assim quando se fala de si próprio. Mas também porque não consegui deixei de transportar algumas coisas, emoções e sentimentos que me são familiares.

  • 1
Para mim, a melhor até agora.
O de JLP não gostei muito. É assim, cada livro é único.

pela primeira vez, deu-me seca. deixei alguns textos a meio, por falta de paciência. pode ser que lhe pegue de novo, a ver se tenho mais sorte :)

  • 1
?

Log in

No account? Create an account