Previous Entry Share Next Entry
juste la fin du monde
rosas
innersmile
Juste La Fin du Monde (É Tão Só o Fim do Mundo) foi o primeiro filme do Xavier Dolan que vi, apesar de já andar com vontade de ver filmes deste realizador canadiano há muito tempo. E não gostei, apanhei seca. Achei o filme fake, tudo me soou a falso. Não valorizei o conflito, não percebi muito bem porque é que as personagens estavam sempre tão zangadas umas com as outras; ou melhor, eu acho que entendi qual era a intenção do realizador ao pôr as personagens sempre tão zangadas umas com as outras, mas não acreditei na verdade dessa zanga. Sobretudo em relação a duas personagens, os dois irmãos representados pela Léa Seydoux e o Vincent Cassel. Outra coisa que me irritou no filme foi o desperdício de talento: para além destes dois, três outros belíssimos actors (Nathalie Baye, Marion Cotillard e Gaspard Ulliel), todos ali às aranhas, a ver se agarravam uma personagem, para além dos gestos um pouco ridículos da caricatura. Como nem tudo é mau, gostei da banda sonora.
Tags:

?

Log in

No account? Create an account