Previous Entry Share Next Entry
doce de tomate
rosas
innersmile


No fim de semana passado reeditei um hábito antigo, mas há alguns anos posto de lado, de me encontrar com a M. pra irmos ver filmes de carreirinha. Ontem fui passar o domingo a uma aldeia ali perto de Tondela para me encontrar com uma das minhas mais queridas amigas de Londres, que ali está a passar férias.

Há muitos anos que não nos encontrávamos. Alguns mal-entendidos e depois os desencontros da vida assim o ditaram. Vivi com esta amiga uma das aventuras da minha vida, a da minha estadia em Londres para fazer tratamentos contra o cancro, há 30 anos. Foi ela quem primeiro me acompanhou, no início da minha estadia, e foi sempre um dos nossos maiores apoios, meu e da minha mãe. E de certo modo foi a morte da minha mãe que tornou obrigatório, e até inevitável e urgente, este reencontro. E também a minha maior disponibilidade actual para estar com os outros, depois de muito tempo ocupado e apenas concentrado nos problemas familiares.

Foi um dia bem passado, com um rico almoço (frango, de casa, guisado com ervilhas, tão boas), conversas à esplanada com amigos velhos e novos, e ainda trouxe, de regalo, um frasquinho de doce de tomate que está uma maravilha, e que já comi ao pequeno-almoço, com as torradas.

  • 1

Fim de semana cheio de coisas boas para saborear durante a semana: as memórias e o doce de tomate. :)

sobretudo o doce de tomate, Carla: tenho-o saboreado todos os dias ao pequeno almoço :)

É sempre bom estarmos a conviver com pessoas que nos dizem alguma coisa, mesmo com mal entendidos pelo meio.

Doce de tomate é muito bom!

doce de tomate é genial! mas também são poucos os doces ou compotas de que eu não gosto :)

gosto tanto da minha zona :)
e é bom reencontrar amigos assim.

e olha que eu lembrei-me de ti, de que estava na tua zona :)

  • 1
?

Log in

No account? Create an account